teste área lateral
Tags

Currículo

Currículo Pianista Alvaro Siviero

… “Detentor de depurada técnica e rigoroso estilo, unido a uma esplêndida elegância e finesse. Em alguns momentos sua digitação causa vertigem, enquanto que nos contrastes dinâmicos seus pianissimos chegam a comover. Um pianista para aplaudir”. ” (El Mercurio – Santiago do Chile)

… Siviero nos deu uma interpretação brilhante do Concerto para piano de Schumann, que mostra porque é um dos maiores pianistas brasileiros: som cheio, romantismo intenso e ótima comunicação com o público” (Gazeta do Povo – Curitiba)

… Apurada técnica e profundo entendimento de cada uma das Polonaises: essa foi a receita que fez o pianista brasileiro Álvaro Siviero levar a plateia que lotava o Teatro Del Libertador a momentos de profunda emoção!” (La Voz del Interior – Córdoba)

… O ponto alto da apresentação deu-se no Concerto n.3 para piano e orquestra de Rachmaninov, em que Siviero mostrou não somente as raízes de sua forte escola europeia, mas toda a calidez e notável virtuosismo de que é capaz” (O Globo – Rio de Janeiro)

… O pianista brasileiro demonstrou eloqüente lirismo unido a uma técnica impecável em sua apresentação…” (La Mañana” – Córdoba)

O paulistano Alvaro Siviero acumula passagens por países como Alemanha, Portugal, Itália, USA, República Tcheca, Áustria, Polônia, França, Inglaterra, Suíça, apresentando-se como solista ao lado de orquestras como a London Festival Orchestra, Budapest Chamber Orchestra, Russian, Virtuosi of Europe, The City of Prague Philharmonic Orchestra, Orquestra Académica de Madrid, Polska Filharmonia Baltycka, Wiener Kammersymphonie, Sinfonia Rotterdam, Salzburg Chamber Soloists e I Musici de Montreal em turnês pelo Brasil, Argentina, Chile, Holanda, Espanha, Uruguay e Peru. Paralelamente à sua intensa carreira como recitalista e camerista, atua como solista dado de orquestras brasileiras, tais como a Orquestra Sinfônica Brasileira, Sinfônica de Brasília, Sinfônica de Goiânia, Sinfônica do Paraná, Sinfônica de Sergipe, Sinfônica de Santos, Sinfônica de Campinas, Orquestra de Câmara do Amazonas, entre outras. O jornal El Mercurio (Chile) definiu Siviero como “detentor de depurada técnica e rigoroso estilo, unido a uma esplêndida elegância e finesse. Em alguns momentos sua digitação causa vertigem, enquanto que nos contrastes dinâmicos seus pianíssimos chegam a comover. Um pianista para aplaudir”.

Siviero foi o primeiro brasileiro a participar do curso de imersão na obra de Beethoven na Casa Orfeo-Fondazione Wilhelm Kempff, em Positano. Em maio de 2007, realizou recital particular ao Papa Bento XVI, em Aparecida, São Paulo, quando da visita do Romano Pontífice ao Brasil. Em novembro de 2009, foi o artista que representou o Brasil no histórico Encontro Mundial de Artistas, celebrado na Capela Sistina, em Roma. Em abril de 2011, em Maiorca, realizou o recital oficial de reabertura do verdadeiro local onde Chopin residiu na Cartoixa de Valldemossa.

Como músico e diretor artístico, foi o responsável pela vinda de diversos grupos sinfônicos internacionais, bem como pela promoção orquestras sinfônicas nacionais para apresentações na Sala São Paulo. Recebeu em fevereiro de 2016 a Comenda da Ordem do Mérito Cultural Carlos Gomes, no grau Comendador, como reconhecimento pelos serviços culturais prestados.

Especializado em multiculturalidade pelo Lesley College (Cambridge) e graduado em Física pela Universidade de São Paulo, Siviero escreve sobre música clássica nos conteúdos digitais do jornal O Estado de São Paulo.

Repertório Sinfônico

Addinsell – Warschauer Konzert “Concerto de Varsóvia”
Bach – Concerto para piano em ré menor, BWV 1052
Bach – Concerto para piano em fá menor, BWV 1056
Bach – Concerto para dois pianos em dó maior, BWV 1061
Bach – Concerto para quatro pianos em lá menor, BWV 1065
Beethoven – Concerto n.1 para piano em dó maior, Op.15
Beethoven – Concerto n.3 para piano em dó menor, Op.37
Beethoven – Concerto n.5 para piano em mi bemol maior, Op.73
Brahms – Concerto n.1 para piano em ré menor, Op.15
Brahms – Concerto n.2 para piano em si bemol maior, Op.83
Gershwin – Rhapsody in Blue para piano e orquestra
Grieg – Concerto para piano em lá menor, Op.16
Haydn – Concerto para piano em dó maior
Haydn – Concerto para piano em ré maior
Hindemith – Os quatro temperamentos
Liszt – Concerto n.1 para piano em mi bemol maior
Liszt – Concerto n.2 para piano em lá maior
Liszt – Totentanz – Danse Macabre
Liszt – Fantasia Húngara para piano e orquestra
Mozart – Concerto n.10 para piano em mi bemol maior, K.365
Mozart – Concerto n.12 para piano em lá maior, K.414
Mozart – Concerto n.20 para piano em ré menor, K.466
Mozart – Concerto n.21 para piano em dó maior, K.467
Mozart – Concerto n.23 para piano em lá maior, K.488
Mozart – Concerto n.24 para piano em dó menor, K.491
Rachmaninov – Concerto n.2 para piano em dó menor, Op.18
Rachmaninov – Concerto n.3 para piano em ré menor, Op.30
Schumann – Concerto para piano em lá menor, Op.54
Shostakovich – Concerto n.1 para piano e trompete Op.35
Tchaikovsky – Concerto n.1 para piano e orquestra Op.23 em si bemol menor