teste área lateral
Tags

Em sua estréia na cidade de São Paulo, Sinfônica de Sergipe convida Siviero a ser o solista para o Concerto n.1 de Tchaikovsky

17 nov Em sua estréia na cidade de São Paulo, Sinfônica de Sergipe convida Siviero a ser o solista para o Concerto n.1 de Tchaikovsky

Espaçoso e elegante Teatro do SESI torna-se insuficiente em capacidade para receber apresentação da ORSSE com participação do solista Alvaro Siviero.

Foram colocadas dezenas de cadeiras extras, mas mesmo assim quase 200 pessoas não conseguiram entradas, que rapidamente se esgotaram. Foi assim que a cidade de São Paulo recebeu a Orquestra Sinfônica de Sergipe, sob a regência do maestro titular e diretor artístico Guilherme Mannis neste momento histórico onde, pela primeira vez, a cidade de São Paulo receberia uma orquestra do nordeste.

Com a presença do Governador de Sergipe, Sr. Marcelo Déda, da primeira dama, Sra. Eliane Aquino, do Secretário Estadual de Cultura do Estado de Sergipe, Sr. Luiz Alberto dos Santos, do presidente do BANESE, Sr. João Andrade e de diversas personalidades da vida cultural e musical, entre outros o maestro Roberto Tibiríçá, o pianista João Carlos Amaral Vieira, o diretor cultural da FIESP Fernando Greiber e a jornalista Cláudia Matarazzo, deu-se início ao emocionante concerto, com platéia calorosa, tendo o pianista Alvaro Siviero como solista convidado para interpretar o desafiante Concerto n.1 para piano e orquestra, Op.23 de Tchaikovsky, fechando o programa.